Como rezar?

2020-08-30
Espiritualidade

Em nossa última postagem iniciamos uma série de artigos escritos pelo Padre Erasmo, sobre a oração. Na postagem anterior, fomos introduzidos no entendimento do que é a oração.

Hoje buscaremos responder a pergunta feita por todos aqueles que se interessam pela oração:

Como rezar?

Devemos entender que antes de tudo existem várias formas de oração. Frei Inácio  Larrañaga, fundador das Oficinas de Oração e Vida (TOV) afirmava que existiam vários modos de rezar e que o cristão deveria descobrir o melhor modo de rezar para prosseguir seu caminho com Deus.

Padre Robert Degrandis, grande pregador e ministro de cura, ensinava que o cristão deveria descobrir um caminho que o ajudasse a rezar. Padre Degrandis chamava a atenção nos seus livros para os vários modos de rezar que existiam. Se observarmos, perceberemos que existem cristãos que conseguem rezar com fórmulas como: o Rosário, ladainhas, jaculatórias e textos devocionais.

Outros cristãos preferem meditar com um texto bíblico ou um texto escrito por um santo. Existem pessoas que rezam olhando simplesmente para uma imagem, Ícone ou contemplando a natureza.

Outros cristãos preferem uma oração em que conversam com o senhor ou entoam cânticos. Existem aqueles que chegam a uma oração de silêncio profundo e no seu interior adoram ao Senhor apenas com o coração. E muitos outros se identificam com a oração litúrgica da Igreja como a Liturgia das Horas.

Nenhuma dessas formas de oração é superior ou melhor do que as outras, embora a Liturgia das Horas seja a oração oficial da Mãe Igreja. Mas, todas essas formas de oração são um convite para percorrermos nosso caminho de amizade com o Senhor. O importante é descobrirmos qual delas nos ajuda a rezar melhor.

O primeiro passo para que nossa oração seja frutífera independente da forma, ou caminho que nos identificamos é o nosso querer rezar. Devemos querer rezar, querer dar ao Senhor aquele momento do nosso dia.

O segundo passo é rezar com sinceridade, rezar com o coração. Fazer do nosso caminho de oração, um caminho do coração, rezar ao Senhor com tudo o que somos, sem exigir muito, querendo somente amá-lo e colocar-se na sua presença.

A Beata Nhá Chica, uma filha de escravos alforriados de Minas Gerais, não tinha muita instrução. Era conhecida por seus conselhos, caridade e vida de oração. Sua oração era muito simples: O Rosário de Nossa Senhora da Imaculada Conceição e a meditação da Paixão do Senhor. Uma oração simples, mas feita com o coração. A beata cresceu na intimidade com o Senhor e amor aos irmãos com essa humilde vida de oração.

Com certeza, rezava com o coração.

A nossa oração deve ser com o coração, rezar ao Senhor com todo nosso amor e confiança nele. Desta forma, seja qual for o caminho, ou método que escolhermos cresceremos na intimidade com o Senhor.

No próximo artigo vamos apresentar as formas de oração no Catecismo da Igreja Católica.